Cortisol

Os corticoides (ou glicocorticóides), são extremamente importantes para o tratamento de diversas doenças, sejam elas causadas por distúrbios endocrinológicos ou não. Sua ação na redução do processo inflamatório, bem como da imunidade do indivíduo, são de extrema importância no tratamento de doenças inflamatórias, como a artrite e asma, imunológicas (Lúpus, Psoríase) e alérgicas (conjuntivites).

No ponto de vista da Endocrinologia, as glândulas adrenais produzem uma série de hormônios, dentre esses, os glicocorticoides. Caso haja um comprometimento da função dessas glândulas, como na Insuficiência Adrenal, deve–se compensar a escassez da produção dos glicocorticoides através da reposição do mesmo.

Apesar de sua eficácia e importância, os corticoides devem ser utilizados com orientação adequada e cautela, visando-se usar a menor dose possível para o quadro em questão, no menor intervalo de tempo, pois excesso de glicocorticóides pode ocasionar efeitos colaterais significativos.

O excesso de corticóide - o hipercortisolismo - se traduz na Síndrome de Cushing, que abarca as manifestações características do excesso desse hormônio:

  • obesidade centrípeta (predominantemente abdominal)
  • depósito de gordura na face (face de “lua cheia”)
  • depósito de gordura atrás do pescoço (“giba/corcova de búfalo”)
  • presença de estrias violáceas (rosadas)
  • fraqueza na musculatura proximal (ex: coxas) ,acne, glaucoma
  • manchas roxas na pele, dificuldade para cicatrização de feridas
  • ganho de peso, aumento da pressão arterial
  • maior suscetibilidade a infecções e depressão

Em crianças pode-se observar até redução da velocidade do crescimento.

E muito além de todos efeitos citados, o uso prolongado de glicocorticoides pode ainda suprimir a produção de cortisol pelas adrenais e com a interrupção abrupta do uso de corticpides, as glândulas adrenais não conseguem retomar instantaneamente a produção desses hormônios, configurando-se a Insuficiência Adrenal. Corticóides: aprecie com moderação e orientação médica.